Desporto

desporto.tvm.co.mz

Desporto

desporto.tvm.co.mz

Após vinte anos de corte diplomático com Moçambique irão volta a fixar embaixada .jpg

A República Islâmica do Irão quer  restabelecer a Embaixada em Moçambique e relançar os laços de cooperação, em áreas sócio económicas, após mais de vinte anos de encerramento da Embaixada no nosso país.

5 novos embaixadores apresentaram esta sexta - feira  as cartas credenciais, ao Presidente da República, Filipe Nyusi.

Trata-se Toshio Ikeda, Embaixador do Japão, Rajab Lukwavi, Alto Comissário da República da Tanzânia, Narjes Dridi,  da Tunísia, Mohsen Ghomi, do Irão e Weerawardena Dharmasena Alto comissário do Sri Lanka.

Moçambique e o Japão mantêm, relações de cooperação há vários anos em vários domínios sócio económicos e procura-se elevar para o mais alto nível, através de desenvolvimento de acções que tragam vantagens mútuas.

Os laços históricos que unem Moçambique à Tanzânia são descritas como estando ao mais alto nível.

Oldemiro Balói considera haver desafios para o estabelecimento de cooperação com  Irão, Sri Lanka e Tunísia, no domínio político económico e social.

A República Islâmica do Irão já teve uma embaixada em Moçambique e que foi encerrada na década de 1990 e, pretende relançar a cooperação Bi- lateral com Moçambique nas áreas dos recursos Minerais e Energia.

Com o Sri-Lanka e a Tunísia também procura-se estabelecer uma cooperação sólida em áreas potencialmente económicas.

Segundo Oldemiro Balói, Moçambique procura dar expressão à cooperação com maior número de países e estreitar os laços históricos e de  amizade entre as nações no mundo. 

avessss.jpg

Governo moçambicano interdita a importação de frango e produtos avícolas da região austral de África.
Em causa está o surto de uma doença aviária patogénica, denominada Astirpe H1N8.
Um surto de influência aviária patogénica está a causar a morte de aves em alguns países africanos como Congo, Zimbabwe e África do Sul
As autoridades moçambicanas tomaram conhecimento no passado dia 2 de Junho e já tomaram medidas, interditando a importação do frango da região, com destaque para África do Sul.
Denominada Estirpe H1N8, a doença aviária já foi detectada em 35 países dos quais 6 africanos.
Moçambique não está na lista e autoridades garantem estar a fazer de tudo para evitar que a doença entre no País.
A doença não afecta os humanos, mas é totalmente infecciosa e mortífera em aves, daí que as autoridades apelam aos importadores a acatarem as ordens.

sábado, 24 junho 2017 13:09

ÚLTIMA HORA: Terramoto na Beira e Dondo

 

Mapa Manica e Sofala Dond.jpg

UM terramoto com uma magnitude de 5.8 na escala de Richter foi registado na madrugada deste sábado, pouco depois das quatro horas, nas cidades da Beira e Dondo, na província de Sofala, causando pânico entre os residentes daquelas regiões.

Alguns chegaram a abandonar as suas residências receando tratar-se de assaltos protagonizados por amigos do alheio. A situação voltou à normalidade. Até à altura em que redigimos estas linhas não havia registos de danos nem humanos nem materiais.

As autoridades moçambicanas do sector ainda não emitiram nenhuma informação oficial sobre a ocorrência, mas dados divulgados pela agencia norte-americana de pesquisa geológica, o tremor teve uma magnitude de 5.8 na escala de Richter, e teve como epicentro na região do Dondo.

Outras informações reportam, igualmente, a ocorrência de réplicas em algumas regiões da província de Manica.

 

Mais informações sobre o assunto nas próximas horas.

 

http://www.jornalnoticias.co.mz/index.php/ciencia-e-ambiente/68860-ultima-hora-terramoto-na-beira-e-dondo.html

Exonerado Director da Educação por desvio de cerca de 3 milhões de meticais.jpg

Armindo Primeiro já foi exonerado do cargo de Director Provincial de Educação e Desenvolvimento Humano da Zambézia.
A cessação de funções foi precipitada por suspeitas de desvio de dinheiro de erário público, cerca de dois milhões e oitocentos mil meticais, cujo caso está no tribunal.

Antigos Chefes de Estados Africanos em Maputo para traçar estratégias contra o HIV Sida.jpg

Antigo Chefe do Estado moçambicano, Joaquim Chissano, diz que a instabilidade militar reduziu a capacidade das autoridades, de lutar contra o HIV/SIDA.
Chissano que falava esta quinta-feira, em Maputo, no encontro dos antigos líderes africanos contra a pandemia, mostrou-se satisfeito com o entendimento entre o Presidente da República e o líder da Renamo.
África continua a ocupar o primeiro lugar dos continentes mais afectados pelo HIV-Sida, daí que Joaquim Chissano defende ser altura de se passar das palavras às acções.
Em Moçambique, o nível de seroprevalência tende a subir, fixando-se, actualmente, em 13% contra 11.5% em 2009.

Jacob-Zuma-no-parlamento-700x400.jpg

O ANC diz que os seus deputados jamais vão votar contra o seu líder Jacob Zuma mesmo em segredo.
A Presidente da Assembleia Nacional sul-africana, Baleka Mbete, tem poderes constitucionais para autorizar ou não a votação secreta de moção de censura contra o Presidente Jacob Zuma no parlamento.
O caso foi clarificado esta quinta-feira, em Joanesburgo, pelo Tribunal Constitucional a pedido dos partidos da oposição que querem votação secreta de moção contra Zuma.

Agudizasse o braço de ferro entre vendedores de Nwakakana e a Maputo Sul para a ponte Maputo – Ka-Tembe.jpg

Há impasse na transferência dos vendedores do Mercado informal Nwakakana para o da Malanga, visando libertar o espaço para o início das obras de construção de viadutos, no contexto do projecto da ponte Maputo Ka-Tembe.

Os vendedores que deverão ser transferidos de Nwakakana alegam que o número de bancas construídas na Malanga não é suficiente para albergar a todos que exercem actividades naquele mercado.
A Empresa Maputo Sul e o Conselho Municipal de Maputo, acordaram em remodelar o mercado da Malanga em fases, para acomodar todos os vendedores, evitando entrar em compensações em dinheiro aos vendedores de Nwakakana.
A primeira fase já está pronta. Os cento e quarenta vendedores contemplados na Malanga já ocuparam as bancas. O impasse gira em torno dos que exercem actividade no Nwakakana, com uns a se mostrarem disponíveis a ceder o espaço, outros ainda a resistirem em abandonar o local.
Os números quanto aos vendedores abrangidos divergem, uma vez os de Nwakakana alegarem ser quatrocentos e vinte e o Conselho Municipal fala em trezentos e quatro recenseados.
Face ao braço de ferro dos vendedores de Nwakakana, o Município de Maputo refere que vai continuar a dialogar com os visados, tendo em vista encontrar soluções conjuntas para ultrapassar o diferendo.
Segundo vereadora para área de mercados e feiras, Orlanda Fonseca, o espaço em conflito já devia ter sido disponibilizado até princípios do ano em curso de modo a dar lugar a edificação de viadutos neste local.
Parte dos vendedores contemplados já com bancas disponíveis na Malanga deverão ceder o espaço até a segunda-feira para dar início às obras.

7A96DB8E-423B-41FC-AE46-BA37E6.jpg

A subida dos níveis de temperatura média em Moçambique, particularmente nas províncias de Tete, Manica e Niassa, poderá originar o aumento de casos de malária e diarreias.
São dados contidos no primeiro relatório sobre impacto das mudanças climáticas na saúde, divulgados em Maputo, pelo Ministério da Saúde.
Nos últimos 40 anos o país registou aumento da temperatura média em cerca de 1º C.
O segundo o relatório sobre impactos das mudanças climáticas na saúde, divulgado esta quinta-feira em Maputo, as recentes ondas de calor em várias partes do país, bem como secas, cheias, ciclones e subida do nível do mar, criaram impactos negativos na saúde dos Moçambicanos .
O estudo revela o aumento de casos de malária e diarreias.

Ordem dos Médicos considera de infundados os argumentos da PGR.jpg

A inscrição e reconhecimento pela Ordem dos Médicos são condições obrigatórias para o exercício da actividade médica em Moçambique.
Em conferência de imprensa, na manhã desta quinta-feira, a Ordem dos Médicos considera de errónea a interpretação feita pela Procuradoria-Geral da República, sobre o exercício da medicina privada.
Entretanto o académico Mouzinho Nicols disse que a intervenção da PGR é contrária ao disposto no número um do artigo oito da Lei número três barra dois mil e seis de três de Maio, segundo a qual e passo a citar `o exercício da medicina privada em Moçambique depende da inscrição prévia na Ordem dos Médicos e obtenção do respectivo cartão de identificação profissional`.
A criação da Ordem dos médicos de Moçambique e a aprovação do seu estatuto inseriu-se na necessidade de regular a actividade médica no país, através do registo e certificação do exercício, da acção disciplinar e do controlo sobre profissionais do ramo, ao abrigo do número um do artigo cento e setenta e nove da Constituição da República.

quinta, 22 junho 2017 14:43

Mau tempo na região Sul

alerta-mau-tempo.jpg

O INSTITUTO Nacional de Meteorologia (INAM) prevê a ocorrência de ventos com rajadas que poderão atingir os 70 quilómetros por hora, ocasionando agitação marítima e ondas com alturas entre 3,5 e 5,0 metros, a partir da noite de hoje, quinta-feira, dia 22 de Junho, na região sul do país, que inclui as províncias de Maputo, Gaza e Inhambane.

Segundo um comunicado da instituição recebido na nossa Redacção, prevê-se para amanhã tempo frio, com temperaturas a rondar entre 20 e 23 graus centígrados, nas províncias de Maputo e Gaza.

Entretanto, os efeitos dos ventos com rajadas serão sentidos em quase toda a província de Maputo e extremo sul das províncias de Gaza e Inhambane, com maior destaque para os distritos de Bilene, Mandlakazi, Guijá, Chibuto, Zavala, Inharrime, Jangamo e cidade de Xai-Xai, lê-se no documento.

A nota do INAM alerta para a necessidade de tomada de medidas de precaução e segurança, face aos riscos associados aos ventos com rajadas e agitação marítima.

 

 

Fonte: Jornal Noticias

Link: http://www.jornalnoticias.co.mz/index.php/ciencia-e-ambiente/68792-mau-tempo-na-regiao-sul.html

Pág. 1 de 88

Programas

  • IDOCTV

    DOCTV

    No contexto de luta de libertação de Guiné-Bissau e Cabo Verde, Amílcar Cabral usava a expressão “Canhão de Boca” para se referir à Rádio Libertação como a arma mais poderosa do que to...

    Readmore

  • IDOCTV

    DOCTV

    Por Parte de Pai” narra a história de Vítor Ramos, jornalista, ensaísta, crítico e professor, que se exilou no Brasil em 1955. O documentário é dirigido por sua filha, Guiomar Ramos.Numa via...

    Readmore

  • ITVM Internacional

    TVM Internacional

    O Canal Internacional da Televisão de Moçambique TVM INTERNACIONAL, é resultado de um trabalho prático desenvolvido por profissionais da TVM.  ...

    Readmore

  • DOCTV

    DOCTV

  • DOCTV

    DOCTV

  • TVM Internacional

    TVM Internacional

PROGRAMAÇÃO DE TV

Câmbio do Dia

Moeda Compra Venda
EUR 66.85 68.19
USD 59.85 61.05
ZAR 4.58 4.68
Fonte: BCI, 20 de Junho de 2017

Telefones Úteis

Por provincia

Assista a emissão em directo:

tvm1 smalltvm2 small

Powered by jms multisite for joomla